Meditação Diária

Autopiedade ou recuperação – a escolha é nossa

Wednesday-feira, 21 de February de 2018

A autopiedade é um dos defeitos mais destrutivos; ela nos esgotará toda a energia positiva

Na adicção ativa, muitos de nós usávamos a autopiedade como um mecanismo de autosobrevivência. Não acreditávamos que havia uma alternativa para viver nossa doença – ou talvez não quiséssemos acreditar. À medida que podíamos sentir pena de nós mesmos e culpar mais alguém por nossos problemas, não tínhamos que aceitar as conseqüências de nossas ações; acreditando que éramos impotentes para mudar, não tínhamos que aceitar a necessidade de mudanças. Usando esse “mecanismo de sobrevivência”, nos mantínhamos afastados da recuperação e nos entregávamos, dia a dia, à autodestruição. Autopiedade é uma ferramenta de nossa doença; precisamos parar de usar e aprender a usar outras ferramentas que encontramos no Programa de NA. Viemos a acreditar que a ajuda efetiva está disponível para nós, quando procuramos ajuda e encontramos no Programa de NA; então a autopiedade é substituída pela gratidão. Muitas ferramentas estão à nossa disposição: os Doze Passos, o apoio de nosso padrinho, o companheirismo de outros adictos em recuperação e a proteção de nosso Poder Superior. A disponibilidade dessas ferramentas é razão mais do que suficiente para sermos gratos. Não vivemos mais isolados, sem esperança; temos alguma ajuda a mão para podermos enfrentar qualquer coisa. A forma mais segura de estar agradecido é aproveitar a ajuda disponível para nós no Programa de NA e experimentar a melhora que a programação trará pára nossas vidas.

Só por hoje: Eu serei grato pela esperança que NA me deu. Eu vou cultivar minha recuperação e parar de cultivar minha autopiedade.